domingo, 28 de março de 2010

Tributo a Renato Russo!!

Renato Russo Manfredini, se vivo, estaria com 50 anos!!! Me pergunto como estaria as suas letras nos dias atuais.. mais ácidas? com mais indgnação? enraivecido? Ou teria parado de escrever como forma de protesto?
O que ele acharia dessa Brasília atual, com malas, meias, cuecas, e muiiita falta de vergonha na cara dos seus moradores 'ilustres'!!
Como milhares de pessoas, faço parte da legião que cresceu ouvindo Renato Russo. Que estravasa a rebeldia com as letras desse rebelde. Tenho uma música (ou várias músicas) pra cada fase da vida. E na atual conjuntura da minha vida tenho curtido muito "Quase sem Querer". Segue a letra, infelizmente não consegui baixar a música!!




Tenho andado distraído
Impaciente e indeciso
E ainda estou confuso
Só que agora é diferente
Estou tão tranqüilo
E tão contente...

Quantas chances desperdicei
Quando o que eu mais queria
Era provar pra todo o mundo
Que eu não precisava
Provar nada pra ninguém...

Me fiz em mil pedaços
Prá você juntar
E queria sempre achar
Explicação pro que eu sentia
Como um anjo caído
Fiz questão de esquecer
Que mentir prá si mesmo
É sempre a pior mentira...

Mas não sou mais
Tão criança, oh! oh!
A ponto de saber tudo...

Já não me preocupo
Se eu não sei porquê
Às vezes o que eu vejo
Quase ninguém vê...

E eu sei que você sabe
Quase sem querer
Que eu vejo
O mesmo que você...

Tão correto e tão bonito
O infinito é realmente
Um dos deuses mais lindos

Sei que às vezes uso
Palavras repetidas
Mas quais são as palavras
Que nunca são ditas?...

Me disseram que você
Estava chorando
E foi então que eu percebi
Como lhe quero tanto...

Já não me preocupo
Se eu não sei por quê
Às vezes o que eu vejo
Quase ninguém vê..

E eu sei que você sabe
Quase sem querer
Que eu quero
O mesmo que você...
Oh! Oh! Oh! Oh!...
Postar um comentário