terça-feira, 5 de maio de 2009

Jornalista americana presa no Irã é hospitalizada


Portal Comunique-se

A jornalista Americana Roxana Saberi, condenada a oito anos de prisão no Irã, foi hospitalizada na última sexta-feira (01/05) em decorrência da greve de fome que mantém como forma de protesto, informa a organização Repórteres Sem Fronteiras.

De acordo com a organização, ela foi levada a uma clínica na prisão Evin, em Teerã, onde está presa desde janeiro. Ela foi liberada da clínica um dia depois, após ter ingerido água.

Roxana está em greve de fome desde o dia 21/04. Na semana passada, quatro integrantes da RSF, incluindo o secretário-geral, iniciaram uma greve de fome em solidariedade à jornalista. O protesto da entidade foi criticado pelo Ministério das Relações Exteriores do Irã.

“O judiciário iraniano é um corpo independente e qualquer tentativa de interferência estrangeira vai contra as medidas internacionais”, afirmou o porta-voz do ministério Hasan Qashqavi nesta segunda-feira.

Revisão justa
No sábado, o ministro das Relações Exteriores do país, Manoucher Mottaki, em encontro com o ministro japonês Hirofumi Nakasone, afirmou que a sentença dada a Roxana será revista “justa e humanamente”.
O governo japonês se mostra preocupado com a situação da jornalista. Roxana nasceu nos Estados Unidos, mas é filha de pai iraniano e mãe japonesa.


Com informações da Reuters e da AP.
Postar um comentário