terça-feira, 10 de março de 2009

QUEM COMEU MEU MIOJO???

Alimento foi considerado invenção japonesa mais importante do século 20. Ele foi criado em agosto de 1958, no Japão.

Tradicional pelo gosto peculiar e preparo fácil e rápido, o macarrão instantâneo, conhecido no Brasil como “miojo”, completa 50 anos. O criador da delícia, Momofuku Ando, que nasceu em Taiwan, lançou o produto em 25 de agosto de 1958. Ele teve a idéia depois da Segunda Guerra Mundial, ao notar que a população passava muito tempo nas filas para comprar alimentos.

O chicken lámen, primeiro produto da linha de macarrão instantâneo, foi lançado no Japão pela Nissin Food, fundada por Ando. Apesar de ter sido criado em 2008, a celebração pelos 50 anos da invenção do produto se estende até agosto deste ano.

Entre inovações em praticidade e sabor, o macarrão instantâneo foi considerado a invenção japonesa mais importante do século 20, em uma pesquisa feita no país em 2000. Para ganhar a característica da instantaneidade, o macarrão passa por um processo de secagem em óleo fervente.

No Brasil, o "miojo" chegou em 1965, quando foram lançados os sabores galinha e carne. De lá para cá, novos e curiosos sabores fazem o gosto de adultos e crianças. Feijão com bacon e até mesmo hot dog estão os mais novos sabores laçando no mercado. Os novos sabores podem ser encontrados na linha Renata Express, fabricada pelo Grupo Selmi, que produz macarrão instantâneo desde 1996.
Postar um comentário